Bird Box - Resenha do Filme

8.1.19


No dia 21 de dezembro do ano passado, a Netflix lançou o filme Bird Box, baseado no livro de mesmo nome do escritor Josh Malerman, protagonizado por Sandra Bulock. O filme fez, e tem feito, grande sucesso e hoje aqui no blog, primeiro post do ano de 2019, é exatamente uma resenha falando tudo sobre o filme!



Com direção de Susanne Bier, o filme tem duração de 1h e 57min e conta a historia de Malorie, uma mulher um tanto quanto desapegada demais do mundo ao seu redor. Ela não gosta de sair, não acompanha as notícias, não gosta de manter contato com as pessoas, e até mesmo com sua mãe ela evita falar. Ela prefere ficar em casa, com seu som alto, e pintando seus quadros. Sua irmã é a pessoa mais próxima a ela, é a irmã que vai ao mercado, que vai as compras, que a informa dos acontecimentos ao seu redor. 

Mas Malorie está grávida e nem um pouco afim de desempenhar o papel de mãe. No dia de sua consulta médica, para saber como está o bebê, sua irmã lhe mostra que um vírus se propagou pela Rússia, e está matando grande parte da população. Mas ela não sente medo, pois sabe aquela velha história de ''isso está longe, nunca vai acontecer conosco''?, é exatamente o que ela pensa. Mas o vírus chega até o lugar, e depois de perder a irmã por causa do vírus, ela sente-se perdida, e acaba indo parar numa casa com outras pessoas que conseguem fugir do vírus, e tentam sobreviver. 

Eles acabam descobrindo que o vírus está relacionado com a visão, e que se deve evitar contato com a rua, pois quem olha, sente vontade de se matar. Para lidar com isso, eles tem que aprender a usar dos outros sentidos, principalmente audição. 


A relação com os pássaros se dá quando Malorie e os outros sobreviventes vai a um supermercado, em meio ao caos, e encontra eles. Eles sempre avisam quando as coisas estão erradas, quando o perigo está próximo, e ela acaba se apegando a eles. 

Malorie muda seu modo de ser, de agir, de ver o mundo, e se vê tendo que criar não somente seu filho, como também o filho de uma amiga que ela acaba conhecendo na casa. 

O filme é eletrizante. O vírus acaba com grande parte da população. Acontece um verdadeiro apocalipse. E Malorie tenta salvar a si e seus filhos, fugindo para um lugar seguro, porém nada fácil. 


Com uma história envolvente e alucinante, o filme nos prende do início ao fim. A atuação dos atores é fascinante, e claro, com Sandra Bulock no papel principal não podíamos esperar por menos. Porém, na minha opinião, faltou aquele ''toque final'' no encerramento do filme. 


Eu sou muito ansiosa, e o filme me deixou com o coração na boca, sério. Então eu esperava um final melhor, parece que ficou faltando algo, que não deveria terminar assim. O filme acaba e tu pensa ''é isso? sério? acabou?'' 



Há boatos que terá uma segunda parte, e sincceramente, seria ótimo se tivesse. A história é ótima, somente o final que deixou a desejar. 

E aí, já viu o filme? O que achou? 


2 comentários:

  1. Ainda não vi esse filme, vou ver amanhã com meu namorado, mas pelo que li aqui em sua resenha ele parece ser bem bom, se for, realmente espero que tenha uma segunda parte, amei seu blog ♥♥♥

    https://belezaminha123.blogspot.com/2019/01/receitas-caseiras-que-vao-transformar.html

    ResponderExcluir

Sinta-se à vontade para comentar!
Críticas, sugestões e elogios são bem-vindos, pois ajudam a tornar o blog melhor para todos! ♥
Maiores informações entre em contato pelo e-mail contatoblogdup@gmail.com.
Muuuuitos beijos pra você e obrigada pela visita! ♥

DIÁRIO DE UM UNIVERSO PARALELO
LAYOUT POR LUSA AGÊNCIA DIGITAL